3

Pesquisas e descobertas sobre a alimentação

IMG_7521

Há alguns meses fiz uma pesquisa para a matéria de Biologia sobre gorduras e coisas que envolvem a saúde e resolvi compartilhar uma parte do trabalho sobre este assunto, já que saúde também é um assunto tratado aqui no blog.

O post ficou um pouco extenso mas é bom ler até o final:

Os cientistas pesquisam cada vez mais sobre o porquê de os churrascos continuarem tão populares e apetitosos, por exemplo. Pesquisas mostram-nos como o refrigerante pode ter substituído a água para algumas pessoas, e porquê mesmo ao saber que a salada é mais digna para a saúde, um indivíduo prefere aquela batata frita gordurosa.

Nós humanos, temos um mecanismo de “estocagem” de gordura que funciona da seguinte maneira: lá por 200 mil a.C. nem sempre era possível caçar alguma coisa todos os dias que matasse a nossa fome. Por este motivo, o corpo desenvolveu um método interessante de sobrevivência: estocar comida dentro do corpo para não passarmos fome quando não encontrássemos uma caça que nos satisfizesse.

Para fazer com que comêssemos mais do que o necessário a cada caça, o cérebro criou algo para nos recompensar com doses cavalares de prazer cada vez que comíamos algo que fosse fácil de ser absorvido pelo corpo para virar estoque de gordura: comeu carne gordurosa, altamente calórica, ganhou uma dose de dopamina.

Isso não ocorre somente nos humanos, em qualquer mamífero se encontra o mesmo mecanismo.

IMG_7524

Em um estudo do Scripps Research Institute, nos EUA, eles alimentaram um grupo de ratos com ração e o outro com bacon, salsicha, comida congelada, doces e outros. Depois de 40 dias, os ratos que comeram ração permaneceram magros e saudáveis, e nos outros ocorreu o óbvio: ficaram obesos. Os cérebros destes ratos também não eram mais os mesmos. Eles desenvolveram resistência à dopamina, ou seja, viviam pela próxima dose. É exatamente isso que ocorre com usuários de crack.

A semelhança de sintomas de drogas e comidas gordurosas não acaba aí. Outros estudos mostram, por exemplo, que a gordura estimula a produção de endocanabinoides, substâncias parecidas com as encontradas na maconha.

Pesquisadores da Universidade do Texas acompanharam 474 adultos por dez anos e perceberam que aqueles que tomavam refrigerante diet frequentemente engordaram 70% a mais em comparação com quem não bebeu refrigerante.

Outro estudo americano, da Universidade de Minnesota, analisou a saúde de 16 mil pessoas por nove anos. Em comparação com quem não bebeu refrigerante, os que tinham o hábito de ingerir uma lata da bebida diet por dia apresentaram 34% mais risco de desenvolver a chamada síndrome metabólica.

Cientistas da Universidade de Cambrige descobriram que o chocolate não pode levar tanta culpa pelos maus hábitos alimentares. Depois de uma pesquisa, eles acreditam que, apesar das calorias, podem existir componentes nessa iguaria que favoreçam a queima de gordura. Mas as causas ainda não estão esclarecidas, e os estudos continuam.

Outra pesquisa em adolescentes americanos mostrou que ao dividir o alimento em porções menores, a tendência é comer mais devagar, dando tempo para o cérebro entender que a quantidade de energia que você colocou para dentro já está adequada.

Viram? A realidade é essa: o cuidado com os alimentos que você ingere é super importante.

Beijos,

Amanda

 

Referência de pesquisa:

KEDOUK, Marcia. A DIETA DA CIÊNCIA. Super Interessante, n.311, p. 41-46, nov., 2012.

Anúncios
4

Sim, a saúde de novo! #Exercícios

Oi gente!

Aqui é a Amanda e sim, venho falar sobre esse assunto de novo! Me julguem, mas sinceramente, eu AMO este tipo de coisa. Além de ser divertido, te deixa mais bonita e feliz!

large (2)

Dezembro chegou e que tal fazer um projeto de verão para fazer mais exercícios? Sim? Que bom! Se você anda desanimada com essa história, acompanhe os meus posts para mais inspiração a animação, ok?

large (4)Só para animá-la, eis alguns benefícios de se exercitar. A atividade física:

  • dá energia e resistência para poder fazer todas as coisas bacanas de que você está afim;
  • melhora a qualidade do sono;torna os músculos mais fortes e flexíveis(o que além de fazer você se sentir demais,contribui para um aparência mais agradável);
  • faz os olhos e a pele brilharem;
  • torna você mais confiante;
  • combate o mau humor.

(RUE, Nancy. Manual de sobrevivência da garota descolada. 1. ed. São Paulo: Mundo Cristão,2010. p.  64)

Agora, você está animada? Legal mas, lembre-se, seu objetivo NÃO deve ser emagrecer a menos que um médico aconselhe. Malhar muito sem cuidados pode ser perigoso!

Olha, não adianta nada malhar, malhar e malhar sem repor as energias! Sim! Comer também é importante. Os exercícios e a alimentação saudável devem caminhar juntos!

roval-dica

Outra coisa, apesar dos exercícios melhorarem o sono, isso não significa que malhar perto da hora de deitar na cama seja bom! Muito pelo contrário. Exercite-se durante o dia, mas não antes de dormir. 😀

A hora do sono também é importante e venho falar depois de algo que O MUNDO INTEIRO AMA!

1394342_182094238667647_1532247893_n

Então é isso!

Espero que tenham gostado e até a próxima!

Norwall_AB27659

0

Cuidando da saúde

Já parou pra pensar que além dos cuidados com cabelo, rosto, roupas, nós também temos que cuidar da nossa saúde?

large (4)

Pois é, como eu disse no último vídeo( Tag: Arco- Íris Literário), não adianta você estar toda maquiada, com roupas de melhor qualidade, se não cuida de você mesma.

Pensando nisso, que tal ler curiosidades sobre alimentos que fazem SUPER MAL à saúde( ah, vai lá, lê esse post, ele é bem legal :D):

Sabe à pirâmide alimentar? Sim? Então, ela é famosa por conter os alimentos na quantidade que devemos usar no nosso dia a dia.

“Talvez você esteja se perguntando: ‘ Hum… refrigerante, chocolate, maionese estão em que parte da pirâmide?’. Na verdade, não se encaixam em nenhum grupo. São extras compostos principalmente de gordura e/ou açúcar e devem ser usados ‘com moderação’, ou seja, de vez em quando. Eis algumas orientações:

  • Deve-se consumir no máximo 60 gramas de gordura por dia. Para ter uma ideia, um sanduíche Big Tasty da rede McDonald’s tem 55 gramas de gordura. Se você começar a ler rótulos, vai descobrir como é fácil ultrapassar esse limite.
  • Deve-se consumir no máximo 10 colheres de chá de açúcar por dia. Parece muito, mas também não é difícil alcançar esse limite. Com permissão da sua mãe, coloque 18 colheres de chá de açúcar num copo de água. Você beberia essa água? Eca! Mas essa é a quantidade de açúcar em 600 ml de refrigerante. Um McFlurry com M&Ms também tem o equivalente a 18 colheres de chá de açúcar. Leia o rótulo de produtos como molho para salada, molho de tomate e sopa desidratada e procure não consumir nada que tenha mais de 4 gramas de açúcar( 5 gramas equivalem a aproximadamente 1 colher de chá).

(RUE, Nancy. Manual de sobrevivência da garota descolada. 1. ed. São Paulo: Mundo Cristão,2010. p.  81)

Eu fiz o teste das 18 colheres de açúcar em um copo de água. Experimentei, só um pouquinho, um tiquinho de nada. Gente, que treco horrível, nunca mais!

Nossa saúde é tão importante que ela é “divulgada” em todo lugar, em qualquer momento. Olha essa imagem que achei no Facebook logo depois que finalizei este post:

large(7)

É meninas, cuidar da saúde é muito importante mas não é tão fácil quanto parece. Vamos aproveitar as férias para começar uma rotina mais saudável e preocupada com nosso bem estar, o que acham?

Em outros posts posso voltar a falar desse assunto, ok?

Espero que tenham gostado, um beijo e até a próxima!

Norwall_AB27659